3 melhores práticas para uma gestão financeira empresarial

A gestão financeira é uma das atividades que demandam mais energia e atenção em uma organização.

Lidar com a gestão do dinheiro não é uma das tarefas mais fáceis a se realizar, e por mais experiente que seja o gestor, perder o controle financeiro de vista ou negligenciá-lo pode ter um alto impacto na organização: desde diminuir a rentabilidade, abrir espaço para concorrentes ou em último caso, pode até mesmo significar o encerramento de suas atividades.

Para que uma empresa possa trilhar um caminho saudável, apresentando real lucratividade é fundamental manter um controle financeiro com o máximo de eficiência em todas as etapas do seu negócio.

Atualmente existe uma série de estratégias que visam justamente auxiliar nesse processo. Para tal, trazemos hoje 3 dicas essenciais que certamente irão auxiliá-lo(a) nessa tarefa e obter, deste modo, melhores resultados para seu negócio.

BAIXE NOSSA PLANILHA DE FLUXO DE CAIXA GRÁTIS

Dica nº1: Que tal começar fazendo uma análise do orçamento da sua empresa?

É isso mesmo, antes de mais nada é preciso inteirar-se completamente da real situação em que se encontra seu negócio. Comece agora a mesmo a fazer um check-up: identificar suas receitas, custos, dívidas de curto, médio e longo prazo, carteira de clientes e possíveis novas receitas e prospects.

Toda e qualquer informação que consiga situar seu negócio no agora e desenhar o cenário dos próximos meses fará com que você possa estar a frente dos concorrentes e te preparar melhor para possíveis imprevistos.

Dica nº 2: Alguém falou em redução de custos?

Ao analisar seu negócio em profundidade você provavelmente perceberá que há muitos itens que poderiam ser cortados dado seu pouco uso ou simplesmente por serem desnecessários.

Após identificá-los, faça um planejamento não apenas para se desfazer das despesas desnecessárias, mas também para mitigar desperdícios de outros recursos e fontes, como por exemplo: matéria prima, materiais de escritório, energia elétrica, entre outros itens que passam desapercebidos, mas que no final do mês podem fazer uma grande diferença no orçamento.

Dica nº 3: Projetar para conquistar.

É preciso saber onde se deseja chegar. Em que patamar você gostaria que sua empresa estivesse nos próximos anos? Quais mercados gostaria de conquistar? Quantos clientes gostaria de ter? Não basta ter controle financeiro pensando apenas no presente é preciso planejar a médio e longo prazo tanto no que consiste tanto em relação a sua empresa como em relação à situação de mercado e concorrência.

Faça projeções e estabeleça metas concretas de investimento, somente assim você irá alinhar os recursos de modo que o negócio cresça e possa dar continuidade, seja expandindo outras áreas ou departamentos da empresa, seja aumentando o portfólio de produtos ou serviços ou até mesmo investindo em novos negócios.

Não existe fórmula mágica que garanta um bom gerenciamento financeiro, mas existem medidas que podem, e muito, facilitar ou ao menos diminuir os riscos durante o processo. Esperamos que com essas 3 dicas vocês possam estar mais preparados(as) para o desafio constante que é gerenciar as finanças de uma empresa.

BAIXE NOSSA PLANILHA DE FLUXO DE CAIXA GRÁTIS



WhatsApp chat