Sua empresa é rentável?

Quando se abre um negócio, sempre se espera lucro e rentabilidade, certo? Mas você sabe a diferença entre lucro e rentabilidade? A lucratividade está ligada diretamente ao preço que se dá a seus produtos e serviços, quer dizer, quanto maior o preço que você coloca em seu produto ou serviço, maior será o seu lucro. Já a rentabilidade vem antes mesmo de você abrir a sua empresa. Quando se planeja abrir um negócio, você planeja, e neste planejamento é estipulado o quanto vai ser investido inicialmente, pensa nos possíveis lucros mensais, chegando à “conclusão” de que sua empresa será rentável ou não. Não se trata apenas de vender produtos e obter lucros, mas de manter as vendas e os lucros frequentemente. Ou seja, a lucratividade e a rentabilidade trabalham juntas em um negócio.

Neste artigo vamos lhe mostrar a diferença, de forma mais detalhada, destes dois conceitos, e a forma como adquiri-los e calculá-los. Siga lendo e descubra.

Lucratividade

Como dito, esta está ligada diretamente ao lucro atingido por sua empresa.

A margem de lucro pode estar ligada tanto à margem líquida quanto à margem operacional.

Na margem operacional se mede o lucro gerada por cada item vendido, desconsiderando despesas financeiras. Para fazer seu cálculo, basta dividir o lucro operacional pelo número de unidades vendidas.

Já na margem líquida, observa-se o lucro gerado deduzindo as despesas. É este lucro que vai dizer se a empresa é lucrativa e rentável ou não. Para fazer seu cálculo, multiplique o lucro líquido obtido por 100 e depois divida pelas vendas líquidas. Seu resultado mostrará o lucro líquido obtido por cada real da receita líquida.

É importante saber quais os gastos que você tem com um produto para que você possa colocar um bom preço de venda em cima deles, e assim, obter um lucro justo. Outra forma de aumentar o seu lucro, obviamente, é aumentando os preços dos produtos e serviços de sua empresa. A princípio, pode parecer uma ideia ruim, mas se você confia em seu produto e na fidelidade de seus clientes, por que não?

Enfim, para calcular a lucratividade, o empresário utiliza os dados financeiros de um determinado mês e faz a divisão do lucro líquido pelo faturamento.

Rentabilidade

Esta também leva em consideração o lucro líquido de sua empresa, mas aqui, utilizamos o investimento feito nela, e não a receita bruta. Assim, você saberá se o investimento feito está valendo à pena, se está te dando retorno.

Para se obter esta resposta, é necessário utilizar os índices de rentabilidade. é através deles que o empresário pode tomar decisões mais assertivas em relação a sua empresa, e é através deles que a empresa pode se tornar mais atrativa aos olhos de investidores.

Os índices de rentabilidade servem como indicadores de desempenho de um negócio, e se dividem em três: índice de margem, índice de ativos e retorno capital:

  • Índice de Margem: É o que a empresa ganha com a venda de seus produtos e serviços. Falamos dele no item anterior, sobre lucratividade;
  • Índice de ativos: Calcula a rentabilidade do investimento feito, do ativo, independentemente de onde vieram estes recursos. Para fazer seu cálculo, basta multiplicar o lucro líquido por 100 e dividir o resultado pelo valor do ativo. Também é possível fazer o cálculo do giro de um ativo, para isso, divida a receita líquida pelo total do ativo. Este cálculo serve para mostrar o quanto foi vendido para cada real investido;
  • Retorno capital: Este é o índice mais requisitado pelos investidores, já que demonstra se a empresa está gerando retorno, ou apenas está utilizando seu próprio capital para se manter funcionando. Para chegar a este resultado, basta fazer o seguinte cálculo: divida o lucro líquido pelo patrimônio líquido da empresa.

Mas estes índices não devem ser vistos isoladamente. Para haver uma boa avaliação, deve ser comparado com outros índices, outros investimentos, uma poupança, por exemplo. Eles devem ser considerados sempre como um parâmetro de avaliação, mas não como o único.

Para se calcular a rentabilidade da sua empresa, basta aplicar a seguinte fórmula:

Rentabilidade= (lucro líquido / investimento) x 100

Se o resultado da operação for negativo, é hora de procurar novas estratégias para levantar a sua empresa. Mas como? Abaixo irei lhe dar algumas dicas, fique de olho!

1.    Organize as despesas

Primeiro você deve descobrir o quanto a sua operação custa. Não se esqueça de pôr no cálculo as despesas fixas, como água, luz, aluguel, internet… Faça tabelas de despesas e receitas, para que assim você possa mante o controle de tudo que entra e sai.

2.    Acompanhe de perto o fluxo de caixa

Mantenha o seu fluxo de caixa atualizado diariamente. Faça controle periódicos sobre ele, comparando-o com o mesmo período do ano passado ou do semestre passado, levando em consideração datas comemorativas ou períodos que costumam haver pouca venda em todo o mercado. Considere também investir em ferramentas profissionais para fazer este controle, lembre-se de que quanto maior a empresa, mais difícil será acompanhar seu fluxo por materiais informais.

3.    Conheça o seu mercado

Quando se tem uma empresa, também se deve ter em mente o seu público-alvo, ou seja, quem você deseja atingir com o seu produto. Muitas empresas fecham as portas por desconhecerem seu público-alvo ou que o mercado para seu produto já inexiste. Faça sempre uma pesquisa de mercado eficiente, profunda, para que você não caia nessa. Procure conhecer os seus concorrentes, como se comportam no mercado, seus pontos fortes e fracos, e o que você pode fazer pra se diferenciar deles.

4.    Valorize seus funcionários

Uma empresa é feita por pessoas. Os funcionários de uma empresa são seus melhores recursos para fazer a empresa crescer cada vez melhor. Procure conhece-los, saber de suas habilidades e necessidades. Promova cursos de aperfeiçoamento, onde eles possam conhecer a fundo o produto ou serviço que vendem. Identifique seus talentos, para que eles possam auxiliá-lo nos diferentes setores de sua empresa, desde a administração até as vendas. Quando o funcionário lida diretamente com o público, é ele quem está dando cara a sua empresa, portanto, quando este é bem tratado e valorizado dentro de seu trabalho, este será feito de maneira muito mais eficaz. Invista neles.

Leia também:

Qual é o indicador de que sua empresa está crescendo?

 



WhatsApp chat Tire Dúvidas no WhatsApp